Música e Letras

Música, letras e outros assuntos relacionados para estimular os sentidos e o cérebro.

  • Música e Letras,  Português,  Vídeos e Filmes Interessantes

    Político Típico – Repare Bem!

      O cómico Chico Anísio Justino Veríssimo de Santo Cristo Deputado Federal de Pernambuco   Político típico do Brasil O político norte-americano? I-g-u-a-l. A única diferença? A língua, a cultura e a maneira de explorar a maioria. Hoje em día, 2018, os políticos dos dois países, o Brasil, brasa e arrasa, e os U.S.A., usa e abusa, tem táticas diferentes para disfarçar e abafar a verdade. Fazem tudo para aparentar que trabalham pelo bem de todos. Como Luis Gonzaga cantava: “Que mentira, que lorota boa!” Este ano 2018, vai entrar uma nova safra de políticos, principalmente um novo Presidente. Vai mudar algo? Só o Povo sabe se vai. Vote em João Ninguém Faz Nada. O melhor candidato na história do Brasil! Pelo menos, ele vai mudar o país de uma vez para todas! Que mentira, que lorota boa! Que mentira, que lorota boa!  + + + Lorota Boa! Dei u’a carrera num cabra qui mexeu c’a Maroquinha Cumeçou na Mata Grande e acabou na Lagoinha! Curri mais de sete légua, carregado cumo eu vinha Pois trazia na cabeça um balaio cheio de galinha Oh, oh, oh! (2x) Qui mintira qui lorota boa (2x) Certa noite muito escura atirei de brincadeira…

  • Brasil,  Música e Letras,  Português

    Menina Veneno! O Mundo É Pequeno Demais!

    Eu, nos anos 80, cantava, Menino Veneno. Sou gay, então, por que não? Menina Veneno, foi lançado em 14 de fevereiro de 1983. Este video é de 2009(?) Meia noite no meu quarto Ela vai subir Ouço passos na escada Vejo a porta abrir Um abajur cor de carne Um lençol azul Cortinas de seda O seu corpo nu Menina veneno O mundo é pequeno Demais pra nós dois Em toda cama que eu durmo Só dá você, só dá você Só dá você! Yeh! Yeh! Yeh! Yeh! Seus olhos verdes No espelho Brilham para mim Seu corpo inteiro É um prazer Do princípio ao sim Sozinho no meu quarto Eu acordo sem você Fico falando pras paredes Até anoitecer Menina veneno Você tem um jeito Sereno de ser E toda noite No meu quarto Vem me entorpecer Me entorpecer! Me entorpecer! Yeh! Yeh! Yeh! Yeh! Menina veneno O mundo é pequeno Demais pra nós dois Em toda cama que eu durmo Só dá você, só dá você Só dá você! Yeh! Yeh! Yeh! Yeh! Meia noite no meu quarto Ela vai surgir Eu ouço passos na escada Eu vejo a porta abrir Você vem não sei de onde Eu…